Um terço da população mundial tem peso a mais

19 Jun, 2017
419 Visitas
iStock-462163715

Autor:

Mais de dois mil milhões de adultos e crianças em todo o mundo têm peso mais ou obesidade e sofrem problemas de saúde devido à situação, informa um novo estudo.

Desta forma, devido principalmente a dietas pobres e ao sedentarismo, um terço da população mundial tem excesso de peso.

Os Estados Unidos têm a maior percentagem de crianças obesas e jovens adultos, com 13%, mas é o Egito que lidera a tabela em termos de obesidade adulta, com quase 35%, entre os 195 países e territórios incluídos no estudo.

Deste astronómico valor recolhido em 2015, mais de 710 milhões pessoas foram classificadas como obesas, com 5% de todas as crianças e 12% dos adultos a enquadrar-se nesta categoria.

O estudo publicado na passada segunda-feira no New England Journal of Medicine aponta que existe um número cada vez maior de pessoas a morrer de problemas de saúde ligados ao excesso de peso, como doenças cardiovasculares.

Além disso, quase 40% dos 4 milhões de pessoas que morreram como resultado de um elevado índice de massa corporal ainda não eram obesas, esclarecendo que as mortes estão ocorrer quase tão frequentemente em pessoas com excesso de peso como nas consideradas obesas.

Os investigadores analisaram dados de 68,5 milhões de pessoas entre 1980 e 2015 para explorar várias tendências, bem como taxas de peso a mais e obesidade. Os dados foram obtidos do estudo mais recente da “Global Burden of Disease”, que explora as principais doenças globais por idade, sexo e população.

Os valores revelaram que o número de pessoas afetadas pela obesidade duplicou desde 1980 em 73 países e continuou a crescer na maioria dos outros países incluídos na análise.

Além disso, os níveis de obesidade encontrados revelaram-se maiores entre as mulheres do que nos homens em todas as faixas etárias.