China cimenta domínio global na área das energias renováveis

9 Jan, 2017
2216 Visitas
istock_54337890_medium

Autor:

A China está atualmente a consolidar o seu domínio global na área das energias renováveis ​e das suas tecnologias de apoio, investindo agressivamente no seu território e em diferentes locais do mundo, e deixando países como os EUA, o Reino Unido e a Austrália em risco de ficar para trás.

Um relatório do Institute for Energy Economics and Financial Analysis (Ieefa) aponta que o domínio da China nas energias renováveis ​​está a crescer rapidamente fora das suas fronteiras, com o país a acelerar os seus investimentos em energias renováveis e nas respetivas tecnologias de apoio.

O relatório da Ieefa aponta treze investimentos estrangeiros chineses acima de mil milhões de dólares em 2016, no valor de 32 mil milhões de dólares. Este valor representa um salto de 60% em relação a investimentos semelhantes em 2015.

A China já era amplamente reconhecida como o maior investidor em energia renovável nacional. No entanto, em 2016, os grandes investimentos estrangeiros incluíram negócios na Austrália, na Alemanha, no Brasil, no Chile, na Indonésia, no Egito, no Paquistão e no Vietname.

O relatório da Ieefa observa que esta enorme expansão global cimenta o domínio total da China no que toca ao investimento em energias renováveis.

Tim Buckley, principal autor do relatório, aponta em comunicado que os EUA “se irão provavelmente tornar menos competitivos a nível económico se a administração Trump cumprir as suas intenções de retardar a transição energética global”.

Fonte:
Ieefa